Redes Social

twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemail

domingo, 15 de janeiro de 2017

Fim das obturações

    Um estudo publicado pela revista Scientifica Reports, conduzido por cientistas britânicos do King’s College, de Londres, mostra que a equipe desenvolveu uma substância química que estimula células da polpa dental a taparem pequenos buracos nos dentes.
Os testes foram feitos primeiro em ratos de laboratório, mas testes de segurança já foram feitos em humanos. A substância, chamada Tideglusib, já foi usada em pesquisas sobre demência.
Os dentes têm uma capacidade limitada de regeneração. São capazes de produzir uma pequena faixa de dentina – a camada abaixo do esmalte – se a polpa ficar exposta, mas não podem consertar cavidades maiores. Isso é feito com obturações, procedimento em que dentistas usam um amálgama metálico ou um composto feito de vidro em pó e cerâmica. Só que esses reparos frequentemente precisam ser substituídos ao longo da vida. Foi ao pesquisar sobre a ampliação da capacidade regenerativa natural dos dentes que a equipe descobriu a substância.
Uma esponja biodegradável embebida no produto foi colocada na cavidade. A substância aumentou a atividade de células-tronco na polpa dental dos ratos e conseguiram fazer reparos em buracos de 0,13 mm nos dentes dos roedores.
“A esponja é biodegradável, isso é a chave”, disse à BBC Paul Sharpe, um dos cientistas do King’s College. “O espaço ocupado pela esponja fica cheio de minerais enquanto a dentina regenera então você não tem nada ali que possa falhar no futuro.”

O próximo passo agora é conseguir aumentar o poder de ação da Tideglusib. “Não acho que vamos esperar muito tempo. Tenho esperanças de que [o tratamento] estará comercialmente disponível de três a cinco anos”, completou Sharp.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Aprovado relatório do deputado Pastor Eurico que concede adicional de periculosidade a Agentes de segurança

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 5492/16, que garante a policiais federais e estaduais o direito a adicional de periculosidade fixado em, no mínimo, 30% da remuneração.
Pelo texto, o benefício será calculado sobre a remuneração total, excetuadas as vantagens de natureza pessoal. A medida vale para as polícias rodoviária e ferroviária federal, civil, militares e corpos de bombeiros militares.
O autor, deputado Cabo Daciolo (PTdoB-RJ), afirma que o projeto “corrige lacuna na lei ao reconhecer que os agentes de segurança exercem atividade insalubre e de risco, permitindo melhores condições de trabalho”.
O relator, deputado Pastor Eurico (PHS-PE), elogiou a iniciativa e incluiu os agentes carcerários entre os beneficiários. Segundo ele, a compensação financeira atenua problemas inerentes a atividades desses profissionais. “Há o risco de que eles contraiam doenças mentais e físicas que afetam, de forma direta, o próprio policial e, de forma indireta, os seus familiares”, ressaltou.
O projeto regulamenta o artigo 144 da Constituição, que trata da segurança pública. Essse dispositivo enquadra os agentes de segurança entre os trabalhadores remunerados exclusivamente por subsídio fixado em parcela única, vedado o acréscimo de qualquer gratificação, adicional, abono, prêmio, verba de representação ou outra espécie remuneratória.
Tramitação
A proposta será analisada de forma conclusiva pelas comissões do Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fonte-AgenciaCamara

WhatsApp: enviar GIFs fica mais fácil

Mesmo que tenha acrescentado a possibilidade de incluir GIFs nas conversas há meses, o WhatsApp ainda força usuários de Android a baixar o arquivo ou transformar um vídeo em GIF para usar o recurso. Isso está prestes a mudar.
Uma versão beta do aplicativo para o sistema do Google permite que os usuários façam buscas dentro do Giphy, que é um dos principais diretórios de GIFs do mundo, dependendo da região, a busca é feita dentro do Tenor, um outro diretório. Assim, o app passa a funcionar de maneira parecida com o Messenger, já que no outro serviço de mensagens do Facebook não é preciso deixar a conversa para acrescentar imagens animadas.
Segundo reporta o The Next Web, a novidade está presente na versão v2.17.6 do WhatsApp beta para Android. Quem usa WhatsApp para iPhone já conta com essa possibilidade desde que os GIFs foram incluídos na plataforma, em novembro passado.


Cientistas desenvolve um dos materiais mais fortes e leves do planeta


    Uma equipe de pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, na sigla em inglês) desenvolveu um dos mais resistentes materiais conhecidos. Pela compressão e fusão de pedaços de grafeno, uma combinação do carbono, o novo material tem densidade de apenas 5% da do aço, mas pode ser até dez vezes mais resistentes.
Em sua forma bidimensional, o grafeno é um dos materiais mais fortes do mundo, e a nova técnica desenvolvida pelo MIT permite o uso tridimensional do composto, que permite reforçar ainda mais a sua resistência pela configuração geométrica. O feito foi descrito no periódico “Science Advances”, e tem potencial para revolucionar a engenharia.
Outros pesquisadores já tentaram usar o grafeno em estruturas tridimensionais, mas falharam. A equipe do MIT, liderada por Markus Buehler, diretor do Departamento de Engenharia Civil e Ambiental do instituto, decidiu solucionar o problema analisando o comportamento do material a nível atômico.
Materiais bidimensionais, basicamente “folhas” com a espessura de um átomo, possuem força excepcional e características elétricas únicas. Mas segundo Buehler, por causa da espessura “eles não são muito úteis para a construção de materiais 3D que possam ser usados em veículos, prédios e dispositivos eletrônicos”.
 O que nós fizemos foi realizar o desejo de traduzir esses materiais 2D em estruturas tridimensionais,  disse Buehler.
Os cientistas conseguiram comprimir pequenos flocos de grafeno usando uma combinação de calor e pressão. Esse processo resultou numa estrutura forte e estável, cujo formato lembra alguns corais e criaturas microscópicas conhecidas como diatomáceas. Esses formatos, com enorme área de superfície em proporção com o volume, se provaram notavelmente resistentes.
 Depois que criamos essas estruturas 3D, nós quisemos ver qual é o limite, qual o material mais forte que poderíamos produzir,  disse Zhao Qin, coautor do estudo.
Uma de nossas amostras tem 5% da densidade do aço, mas é dez vezes mais forte.
A explicação está na geometria. De acordo com Buehler, o que aconteceu com o grafeno aconteceria com uma folha de papel, por exemplo. O papel tem pouca resistência, e pode ser facilmente amassado, mas quando dobrado em determinados formatos, como enrolado em um tubo, sua força se torna substancialmente maior.
E as possíveis aplicações são inúmeras. Dependendo da geometria, pode ser possível construir estruturas mais leves que o ar, que podem ser usadas como substitutos de longa duração para os balões de hélio. O arranjo estrutural pode ser produzido com outros materiais para redução de custos e aplicação em massa pela engenharia.
 Você pode usar o grafeno ou usar a geometria que descobrimos com outros materiais, como polímeros ou metais. Você pode substituir o material por qualquer coisa, disse Buehler.  A geometria é o fator dominante. É algo com potencial para ser transferido para muitas coisas.
Fonte-extraglobo




¿Fusão Oi - TIM ?


           A Oi vive uma crise sem precedentes em toda a sua história, e nos últimos relatórios reportados pela Anatel, a dívida da operadora brasileira já ultrapassa R$ 20 bilhões, o que fez com a que a empresa chegasse ao ponto desesperador de pedir uma recuperação judicial com um valor impressionante em 2016.
Com o pedido já aceito a empresa ganhou uma brecha de 60 dias para apresentar um novo plano, mas a crise na companhia ainda é preocupante.
Em 2014, rumores começaram a aparecer apontando para possível fusão entre TIM e Oi, embora nenhuma das operadoras sequer tivesse confirmado a veracidade destas informações.
Visto o vigente quadro da Oi, eis que estas notas ganham destaque novamente, como uma tentativa para restabelecer a empresa brasileira.
Felizmente, a Anatel salienta que não existiria empecilhos para aprovar este processo, e através de uma entrevista para Reuters Brasil, o presidente do órgão nacional, Juarez Quadros, ressalta que ambas as empresas seriam beneficiadas com este conceito.
A TIM, que atualmente é administrada pela Telecom Italia, esta semana esclareceu estas publicações, em prol de cessar as dúvidas que ainda perduram com relação às informações dos últimos meses.
De acordo com Mario Girasole – vice-presidente regulatório e institucional da Telecom Italia – esta medida não tem qualquer chance de acontecer.
Por um lado, os rumores agora foram desmentidos, além de várias dúvidas esclarecidas, por outro, a Oi continua em uma situação alarmante no país, que pode comprometer significativamente seu futuro.

Fonte-tudocelular

Além do zika, dengue e chikungunya agora é doença da urina preta, há algo de errado nesse país!

     Um surto de uma doença desconhecida está espalhando temor na Bahia. Conhecida como “doença da urina preta”, seus principais sintomas são dor muscular extrema, insuficiência renal e urina de cor similar a da coca-cola.
Segundo o infectologista Antônio Bandeira, coordenador do comitê de arboviroses da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), que acompanha alguns dos casos, o efeito da doença no organismo é como se o paciente “tivesse feito uma maratona em poucos segundos”.
“É uma lesão muscular aguda, então a quantidade de mioglobina que está dentro do músculo acaba saindo e vai para a urina. Ela acaba dando essa cor de Coca-Cola. Esse pigmento também tem uma ação nefrotóxica (tóxica para os rins)”.
Por falta de informações, no momento a doença é oficialmente classificada como “mialgia (dor) aguda a esclarecer”.
Segundo a Secretaria de Estado da Saúde da Bahia, foram 52 casos da doença na Região Metropolitana de Salvador, dos quais dois resultaram em morte.
O governo do Ceará emitiu alerta para três casos suspeitos no estado, mas ainda não há confirmação de que, de fato, se trata da mesma doença. Se forem confirmados, serão os primeiros casos fora da Bahia.
No momento, os pesquisadores estão analisando amostras de fezes e urina coletadas de infectados. Antes, a principal suspeita era que a doença estaria sendo provocada por toxina de peixes do litoral Norte baiano. Porém, esta suspeita está praticamente descartada. Agora, a principal hipótese é a contaminação por um vírus encontrado nas águas sujas dos esgotos, nas fezes. Este vírus seria da mesma família da hepatite A.



Recife: tarifa de ônibus sobe 14,26%


        Em uma manhã de protesto, foi aprovado o reajuste de 14,26% nas passagens de ônibus que circulam na Região Metropolitana do Recife, durante reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano nesta sexta-feira (13/01/2017). A tarifa do Anel A, que custava R$ 2,80, passa a ser R$ 3,20, enquanto a do Anel B sobe de R$ 3,85 para R$ 4,40. Os valores passam agora por validação da Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe) e devem valer a partir de  00:00hs desse  domingo (15).
Sobem também os valores do Anel D, que vai de R$ 3 para R$ 3,45, e do anel G, de R$ 1,80 para R$ 2,10. O reajuste prevê que 467 ônibus, dos 3 mil que integram a frota, sejam renovados entre fevereiro e março. O aumento na passagem foi aprovado com 12 votos a favor, dos 18 do conselho.
O diretor de operações do Grande Recife, André Melibeu, explicou que o aumento se deu pela recomposição de custos de 2016 com acréscimo de pessoal, combustível, pneu e óleo lubrificante, assim como a renovação da frota. "Acreditamos que não haverá queda no número de passageiros. A gente entende que o serviço melhora e isso faz que o passageiro retorne ou se mantenha no sistema", afirmou Melibeu.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

PEC 29/2016 muda regras para concursos públicos

O número de vagas a serem preenchidas por meio do concurso público pode passar a ser igual ao quantitativo dos respectivos cargos ou empregos públicos vagos no órgão ou entidade. É o que prevê a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 29/2016, que aguarda votação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).
Caso a regra estivesse em vigor, o próximo concurso do Senado Federal, por exemplo, deveria abrir 1008 vagas, total de posições ociosas hoje na Casa, conforme dados do Portal da Transparência.
Apresentado pelo senador Paulo Paim (PT-RS), o texto também assegura a nomeação de todos os aprovados em concursos públicos dentro do número de vagas previsto no edital do certame. Assim, propõe que seja explicitada na Constituição o entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), que em 2011 reconheceu direito subjetivo à nomeação aos candidatos aprovados dentro do número de vagas previstas no edital.
A PEC ainda determina que o número de vagas para  formação de cadastro de reserva não pode exceder a 20% dos cargos ou empregos públicos a serem preenchidos por meio do concurso público.
Outra regra trazida pelo texto se refere à abertura do concurso. A PEC veda novo certame enquanto houver candidatos aprovados em seleção anterior. Da mesma forma, veda concurso exclusivo para cadastro de reserva.
“Não raro, há brasileiros que se deslocam de outros estados para prestarem concursos públicos, despendendo recursos com cursos, inscrições, passagens e hospedagens, mas acabam não sendo nomeados no cargo ou emprego público que almejam, ainda que haja cargos não ocupados", justifica Paim.
O relator da PEC na CCJ é o senador Ivo Cassol (PP-RO), que ainda não apresentou seu parecer.


O elevador mais rápido do mundo


          Andar de elevador pode ser uma experiência comum, mas quem entra no da Shanghai Tower, na China, sabe que vai ser diferente, já que ele é o elevador mais rápido do mundo. Em condições normais, ele sobe numa velocidade aproximada de 64 km/h, mas pode chegar a 73 km/h com a presença de um técnico. Para se ter uma ideia de quão rápido isso é para um elevador, a famosa Torre do Terror, uma atração do parque da Disney, chega a 62 km/h.
Em dezembro, a Mitsubishi Eletric, a companhia responsável pelos elevadores, recebeu o título do Guinness por seu recorde. A China está vivendo um “boom de elevadores”. Na última década, a grande maioria dos elevadores instalados no mundo foi na China. Estima-se que, até 2020, 40% de todos os elevadores do mundo estejam na China.
Um estudo recente sugere que 82 km/h deve ser o limite de velocidade para a subida. Acima disso, os passageiros devem se sentir mal. No caso da descida, a situação é ainda mais complicada, já que o corpo acha que está caindo quando a velocidade é muito alta. Na Shangai Tower, o elevador desce a 35 km/h, velocidade que já está bem próximo do limite.
Atualmente, cinco dos dez elevadores mais rápidos do mundo estão na China. Estes elevadores super rápidos custam muito dinheiro. Eles precisam ser pressurizados para que a “viagem” seja confortável. Jim Fortune, um consultor americano de elevadores, estima que cada instalação custe até US$ 3 milhões.
Como os elevadores super-rápidos não têm muita utilidade, além de ser uma atração, e custam muito caro, esta não deve ser uma tendência.


quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

O Google foi hackeado !!!!



          O novo ano já começou movimentado em termos de segurança digital nos grandes sites da web: por alguns minutos na última terça-feira (3/01/17), aconteceu: o site brasileiro do Google foi hackeado. A invasão ocorreu apenas na homepage do Google, sem afetar outros serviços da empresa, como o Gmail, Docs e Translate, por exemplo.
Na página, em vez da tradicional barra de buscas do site, o hacker colocou uma imagem de um anime, seguida das frase "é um grande dia para morrer". Skynet foi ativada, achem o John Connor. @Schwarzenegger help us. Hahahahaha#googlehacked pic.twitter.com/1ImfjE1gax — Edino (@landin0) January 3, 2017 Na mensagem do hack, o responsável pelo ataque se identificou como Kuroi'Sh.
Pouco tempo depois da invasão, o Google interrompeu o hack e voltou à sua página normal. Mesmo assim, foi tempo suficiente para diversos usuários registrarem o caso nas redes sociais. A hashtag #googlehacked rapidamente escalou nos trending topics. O fim do mundo está próximo. Corram para as colinas! #googlehacked #googlebrazil #apocalipse pic.twitter.com/B3esQdsLZe — emvbase, Eric Viana (@emvbase) January 3, 2017 Po, mas parece que o ataque não teve maiores efeitos sobre o site, parecendo um hack por diversão do que exatamente uma invasão para roubo de dados de usuários.
Outros internautas questionaram a veracidade do ataque, apontando que talvez não fosse um hack direto do site do Google, e sim um caso de spoofing, uma espécie de máscara que se sobrepôs ao site tradicional, atacando os caminhos de acesso ao site ao invés dos servidores do site propriamente dito. Em resposta à imprensa, o Google esclareceu que o ataque não ocorreu diretamente aos seus sistemas e sim a servidores de acesso DNS que são compartilhados com outros sites.
Com isso, o hacker conseguiu afetar o acesso de usuários aos sites do Google no Brasil e em Bangladesh. Entretanto, o ataque se configura apenas como um "defacing", ou seja, ele altera a página inicial da url pedida, mas não ataca diretamente os servidores do site.
 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA