Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

domingo, 19 de junho de 2016

João Paulo é oficializado como candidato a prefeito do Recife pelo PT

O que era especulação se confirmou: o ex-prefeito João Paulo, que governou a cidade do Recife de 2001 a 2008, será o candidato oficial do PT para as eleições municipais deste ano. O martelo foi batido na noite desta sexta-feira (17/06), durante o encontro da sigla na sede municipal, com direito à presença do presidente nacional do partido, Rui Falcão.
Além da confirmação de João Paulo, havia uma expectativa em torno da confirmação do nome da deputada estadual Teresa Leitão para a Prefeitura de Olinda. No entanto, isso não ocorreu. De acordo com o secretário de Organização do PT Recife, Felipe Cury, o objetivo do partido, com a confirmação de João Paulo, era a superação das dificuldades internas vividas pela sigla. "Objetivamos a construção da unidade partidária para o resgate do protagonismo do PT na cidade, com a construção de um novo projeto, que possa reunir as lideranças já consolidadas com as novas que foram se consolidando e construir agora um projeto para o Recife com muita participação popular e que será liderada por João Paulo.", enfatizou.
João Paulo, no início do ano, já tinha declarado abertamente sobre o seu desejo de disputar novamente a PCR.  “No âmbito nacional, tem um clima da direção do partido de querer que eu seja candidato aqui em Recife. Em tese, há uma unanimidade no nacional para que eu seja candidato. Eu diria que até internamente aqui no Recife tem um clima extremamente favorável. Eu diria não só de dentro do partido, mas também por todas aquelas pessoas que viveram um pouco os meus anos de gestão”, disse, à época.
Pessoas ligadas ao PT, como a vereadora Marília Arraes, já expressaram no Facebook o seu apoio ao nome de João Paulo. Nos bastidores, há a informação de que, a partir de agora, o PT irá trabalhar nas alianças que foram firmadas em 2014, durante as eleições para governador, como o PTB. O senador Armando Monteiro Neto, principal nome da sigla, disse, à época, que só iria se pronunciar quando o nome de João Paulo se concretizasse.
O presidente estadual do partido, Bruno Ribeiro, disse que todas as arestas existentes entre João Paulo e João da Costa foram aparadas. "Terminamos o encontro em um clima de ampla convergência. João da Costa, inclusive, foi o primeiro a defender a candidatura de João Paulo. Os dois conversaram bastante nos últimos 15 dias e passaram por cima de quaisquer problemas que tinham sobre eles", relatou.
João Paulo afirmou que saiu do encontro animado para a campanha eleitoral que se iniciará. “Estamos respondendo a uma demanda grande da população, um sentimento de parcela da cidade que pedia o meu nome. Talvez seja a eleição mais difícil que o PT irá enfrentar, mas eu estou preparado para este desafio”, disse.

Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//