Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Estacionamentos nada convencionais

Nem todos os estacionamentos têm de ser feios e previsíveis em termos arquitetônicos. Há parques que são antigos teatros, os que se "disfarçam" de bibliotecas e outros que são torres futuristas com mais de 20 metros de altura, havendo até um que é uma ilha no meio do mar.
As Torres da Volkswagen


Em Wolfsburg, na Baixa-Saxônia, A cidade capital da Wolkswagen, existem umas torres com mais de 20 andares que fazem lembrar os antigos silos de cereais. Mas, na verdade, é onde os clientes da VW vão buscar os carros novos, sendo dos parques de estacionamento mais avançados do mundo. Cabem mais de 800 carros, divididos em vários pisos, cabendo a um robô a tarefa de entregar a viatura ao cliente.
Michigan Theatre


Tecnologias, arrojo e futurismo à parte, um dos mais curiosos parques de estacionamento de todo o mundo fica em Detroit, nos Estados Unidos, a cidade da Ford e da General Motors. E tem até um ar bastante decadente, pois se trata do Michigan Theatre de Detroit, uma sala de espetáculos que já foi ponto de reunião da alta sociedade daquela cidade industrial, então com capacidade para mais de quatro mil pessoas. Agora, a única forma que os proprietários da sala arranjaram para rentabilizar o espaço foi albergar automóveis, o que até faz sentido pois, dizem, o teatro foi instalado precisamente no local onde foi construído o primeiro modelo da Ford, o T.
Biblioteca Pública do Kansas





         As gigantescas lombadas de livros, com mais de 7,5 metros de altura por 2,80 metros de largura, que revestem parque de estacionamento da Biblioteca Pública de Kansas City tornaram-se já um ícone da arquitetura mundial, em particular no que toca a parques de estacionamento. Os 22 mil livros ali representados foram sugeridos pelos leitores da biblioteca e recordam títulos como Romeu e Julieta (Shakespeare), Cem Anos de Solidão (Gabriel Garcia Márquez), Por favor, Não Matem a Cotovia (Harper Lee), Senhor dos Anéis (J. R. R. Tolkien) ou As Aventuras de Huckleberry Finn (Mark Twain). Tem capacidade para 750 automóveis.

Ilha-Parque



Em plena baía de Tóquio, uma das cidades mais densas em termos populacionais (14 mil habitantes por quilômetro quadrado), há uma ilha que está exclusivamente dedicada ao estacionamento automóvel. Umihotaru é como se chama esta ilha artificial que, além de ter ume estacionamento para mais de 500 automóveis, é também uma gigantesca área de serviço, dispondo de bares, galerias de arte, restaurantes e lojas e até um miradouro para observar as luzes da capital nipônica. Para lá chegar tem de percorrer a Tokyo Aqua-Lina, uma autoestrada de 14 km que combina partes em túneis e pontes, sempre em águas do Pacífico.

Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//