Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Maria Santíssima também é nossa Mãe! Mas como? Descubra aqui porque Maria Santíssima nos deu a vida para a graça


Até os católicos menos instruídos sabem que Maria é sua Mãe.
       Antes mesmo de ter ouvido pronunciar as palavras Imaculada Conceição, virgindade, Assunção,toda criança que já consegue balbuciar uma oração sabe que a Mãe de Jesus é também sua Mãe.
       Mas qual o significado exato deste título?
       Grande é o número dos cristãos que, mesmo sendo devotos da Virgem, têm sobre a maternidade espiritual uma compreensão bem imperfeita e limitada.
Nossa piedade filial para com Maria, que tem seu fundamento nessa maternidade, não pode deixar de ser imperfeita e limitada se ela é mal compreendida.
Maria nos transmite a vida sobrenatural
      O que significa a maternidade espiritual?
     Por maternidade espiritual entendemos que Maria Santíssima nos deu a vida sobrenatural, tão verdadeiramente como nossas mães nos deram a vida natural.
Da mesma forma como nossas mães o fazem para a nossa vida natural, Nossa Senhora alimenta, protege, desenvolve e expande nossa vida sobrenatural a fim de conduzi-la à perfeição.
      Todo homem compreende a realidade da vida natural, porque a vemos, tocamos, sentimos e percebemos em todas as nossas atividades exteriores e interiores.
      Por assim dizer, a vida natural se confunde com a nossa identidade, e só tomamos consciência da nossa individualidade sentindo-nos viver.
      A vida natural é a grande realidade, de tal modo preciosa a nós que, se necessário, fazemos por sua conservação o sacrifício de todos os nossos outros bens terrestres, fortuna, prazeres, ambições.
     A fé nos ensina que, ao lado da nossa vida natural, há para o católico uma outra, dita sobrenatural ou espiritual, ou ainda “estado de graça”.
     Porém, como esta vida sobrenatural não pode ser vista, tocada e nem constatada diretamente, a muitos ela parece algo vago, etéreo, inconsistente, algo até negativo tratando-se da ausência de pecado grave.
Ou então, se nela há algo positivo, resume-se a uma relação exterior de amizade entre a alma e Deus. 

Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//