Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

sábado, 5 de julho de 2014

Brasil: AMEAÇA DE SURTO

Semelhante à dengue, porém mais dolorosa, a febre chicungunya vem fazendo novos casos no país; o número de vítimas infectadas com o vírus originário da África subiu para dezessete. A doença causa fortes dores nas articulações – que podem perdurar por anos após a fase aguda da infecção – além de febre alta e manchas vermelhas pelo corpo.
Aparentemente, todos os infectados contraíram a enfermidade no exterior. De acordo com especialistas, a deflagração de uma nova epidemia é inevitável, já que o vírus da chicungunya é transmitido pelos mosquitos do gênero Aedes, os mesmos responsáveis pela disseminação da dengue.
Conforme os dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a febre foi detectada pela primeira vez em 1952, na fronteira da Tanzânia com Moçambique. A doença ganhou várias regiões da África e da Ásia, e, atualmente, há surtos cíclicos em aproximadamente 40 países.
Em dezembro de 2013, porém, a infecção foi registrada pela primeira vez nas Américas e vem se propagando com muita rapidez; 30 nações da região já reportaram o aparecimento do vírus. No Haiti, onde o Brasil mantém um contingente de militares, a epidemia está completamente fora de controle.
O risco (de epidemia no Brasil) é iminente, assegura o infectologista Stefan Cunha Ujvari. “A qualquer momento vai começar uma epidemia, não há mais como evitar: a doença é transmitida pelo aedes e segue a mesma rota da dengue. Basta um mosquito picar um doente aqui que vai passar adiante”.
Das 17 ocorrências registradas no Brasil, 15 envolvem militares e missionários brasileiros que regressaram de missão no Haiti. Os outros dois são de brasileiros que estiveram a turismo na República Dominicana a turismo.
O Ministério a Saúde está em alerta: outros dois casos estão em investigação, também de pessoas vindas desses mesmos países. Todos os pacientes apresentaram um quadro leve, estável e de evolução clínica favorável, informou na última quinta-feira, 3, em comunicado.

Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//