Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

sábado, 19 de abril de 2014

Nanotecnologia: celulares medindo qualidade do ar

O projeto IAQSense promete facilitar a medição dos poluentes em ambientes internos e tornar este controle acessível a qualquer pessoa. O trabalho foi financiado pela União Europeia e consiste no uso de nanotecnologia para monitorar os níveis de compostos voláteis presentes no ar.
De acordo com o estudo divulgado na revista científica Phys.org, somente no continente europeu, os gastos com doenças respiratórias chegam a 102 bilhões de euros por ano. A poluição é considerada um dos principais problemas e ela não está apenas nas ruas.
Nos últimos 20 anos, a preocupação com os níveis de poluentes em ambientes internos tem crescido, os níveis aumentam a cada dia e o monitoramento ainda é complexo. Os modelos tradicionais utilizam equipamentos caros, pesados e demorados.
O IAQSense foi criado para facilitar este processo. Foram três anos de pesquisas até que o modo ideal fosse encontrado. Através de sensores nanotecnológicos de base é possível fazer o monitoramento da poluição em tempo real e ainda transmitir as informações através de redes sem-fio.
O sistema deve ser usado inicialmente em locais fixos, como uma casa, escritório ou dentro de um carro. A tecnologia é altamente sensível, capaz de identificar e separar cada componente do gás de forma inédita, facilitando a detecção precoce dos mais diversos tipos de moléculas.
Os pesquisadores estudam uma forma de instalar o sensor em smartphones, para que seja possível medir a qualidade do ar em qualquer local. Os cientistas também esperam conseguir produzir o sistema em escala industrial.

Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//