Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

sábado, 17 de agosto de 2013

Senado: R$ 2 milhões com selos

O Senado gastou quase R$ 2 milhões em um ano e quatro meses com a compra de 1,4 milhão de selos. A casa, no entanto, não sabe explicar o que foi feito com o material.
As despesas dos senadores e da área administrativa com a cota postal serão apuradas. Após uma auditoria aberta em junho, funcionários foram afastados e a distribuição de mais selos foi proibida.
Para efeitos de comparação, o gasto de quase R$ 2 milhões seria suficiente para distribuir uma carta para cada morador de Goiânia, que tem 1,3 milhão de habitantes, ou ainda seria o equivalente a 18 mil selos por senador.
As regras do Senado não prevêem a compra de selos, o que intriga os responsáveis pela auditoria. Todas as correspondências da casa são seladas por meio de uma máquina que imprime o valor da postagem na carta, o que significa que não é preciso colocar selos nas correspondências.
Fontes ouvidas pelo jornal O Estado de S.Paulo disseram que parte dos selos foi entregue a alguns senadores, que os requisitaram oficialmente. Não se sabe, no entanto, o paradeiro da maior parte do material.
O Senado estuda definir um limite em reais para o envio de correspondências pelos senadores, que, segundo norma de 1991, não têm limite para gastos desse tipo.


Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//