Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Do tamanho de uma mosca, robô voador bate asas e ergue voo


Nesta semana o voo bem-sucedido dos robôs flutuantes – provavelmente os menores jamais criados- registrado no periódico Science por Robert Wood e seu equipe do Wyss Institute do Instituto de Engenharia Inspirada na Biologia de Harvard. Tais robôs são do tamanho de moscas varejeiras. A maior parte dos pequenos robôs voadores são helicópteros. Esses, no entanto, são ornitópteros, o que quer dizer que batem asas. Sua envergadura total é de 3 cm e seu peso é de 80 miligramas. Assim como moscas de verdade (aquelas conhecidas pelos entomologistas como Diptera), e diferentemente de libélulas ou borboletas, eles só têm um par de asas.
O dr. Wood não está tentando criar um veículo-robô militar. Na verdade, é a ciência básica por trás do voo que interessa a ele e sua equipe. Não há dúvidas de que as forças armadas tem muitíssimo interesse nesse tipo de pesquisa. Mas ele acha que aplicações civis tais como em operações de busca e resgate serão tão importantes como as aplicações militares e de segurança. Com efeito, a ideia que inspirou o estudo foi a de usar enxames de moscas robóticas para polinizar plantações.
Os robôs do dr. Wood são modelados com base em um mosca chamada Eristalis. Ainda falta muito para que eles consigam reproduzir a precisão do voo de tais criaturas. Eles conseguem, não obstante, ficar suspensos no ar. Eles também conseguem realizar manobras simples, as quais incluem fazer uma curva ao bater uma asa com mais intensidade que a outra.

Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//