Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

sexta-feira, 8 de março de 2013

Presidente da Comissão de Direitos Humanos é acusado de homofobia


O pastor Marco Feliciano (PSC – SP), recém-eleito presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, responde a ação no STF por homofobia e estelionato.
O evangélico foi denunciado pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que considerou discriminatória uma frase postada pelo pastor em sua conta no Twitter. “A podridão dos sentimentos dos homoafetivos levam ao ódio, ao crime, à rejeição”, dizia a mensagem.  No mesmo processo, Gurgel citou outro post no qual o parlamentar fala sobre raças. “Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato. O motivo da maldição é a polêmica”. Porém, segundo Gurgel, Feliciano não responderá por racismo, já que a frase “está no limite entre a ofensa à raça negra e a liberdade de expressão”.
Feliciano também responde por estelionato por ter faltado a um compromisso em São Gabriel (RS), pelo qual recebeu a quantia de R$ 13.362,83. O pastor optou por comparecer a um evento no Rio de Janeiro, que lhe pagou um cachê mais caro. Em 2008, Feliciano deveria encerrar um evento gospel que contava com a presença de 7 mil fiéis. O pastor alegou que faltou ao compromisso por “motivos de força maior”. Segundo a denúncia do STF, Feliciano forjou uma justificativa para sua ausência.
Em meio a protestos, o deputado evangélico foi eleito presidente da Comissão de Direitos Humanos na última quinta-feira, 7. Feliciano conta com o apoio dos evangélicos, que alegam que o pastor sofre preconceito por ser cristão. “Nós amamos o homossexual, amamos o ser humano. Se o indivíduo quer amar a vaca… Cristão não é homofóbico. Ser contra o homossexualismo não nos torna homofóbicos. Amamos o pecador, não amamos a prática das coisas erradas. É a ditadura dos que são cristofóbicos”, disse o pastor deputado Takayama (PSC-PR). O advogado de Feliciano, Rafael Silva, disse que as denúncias são “burburinhos que não vão prosperar”.
Fonte - opinião

Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//