Redes Social



twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemailhttps://www.wowapp.com/w/andrecafe/joinhttps://www.instagram.com/andrecafee/

sábado, 24 de março de 2012

Como as conexões do Facebook refletem os impérios antigos

Há oito anos o Facebook se lançava como uma rede social online conectando uma pequena comunidade acadêmica a partir de um dormitório da Universidade de Harvard. Hoje a empresa tem 845 milhões de usuários ativos por todo o mundo e uma fortuna em dados. Um aspecto desses dados, os quais o Facebook compartilhou com The Economist, revela alguma correlação entre as atuais amizades do Facebook e as antigas fronteiras de impérios outrora grandiosos.

O mapa abaixo lista 214 países de acordo com a força de seus laços com a Inglaterra, França, Espanha e Portugal, respectivamente. Quanto mais escuro o azul, maior a parcela de conexões estrangeiras com o poder imperial em questão. (O Facebook não divulgou os percentuais, apenas o ranking). Estes têm um alto grau de correspondência com países e territórios que estiveram, parcialmente ou em sua totalidade, em algum momento sob o domínio inglês, francês, espanhol ou português, como pode ser visto no conjunto de mapas inferiores.

A Austrália, a Nova Zelândia e faixas da África Oriental têm os laços mais fortes com a Inglaterra. Usuários da África Oriental têm o maior número de conexões com a França. A América Latina de língua espanhola é mais fortemente ligada à Espanha. Os brasileiros continuam fortemente ligados a Portugal, assim como pessoas de Guiné-Bissau, Moçambique e Angola.








Nenhum comentário:

 
BLOG DO ANDRÉ CAFÉ
SÓ JESUS SALVA
//